Endereço
Millennium Shopping - Av.
Djalma Batista, 1661
Telefones
(92) 3659-3131
(92) 3214-2800
E-mail
contato@visionclinica.com.br
Horário de atendimento
Seg - Sáb : 07:00 às 19:00
Dom : Fechado

O QUE É GLAUCOMA?

O glaucoma refere-se a um grupo de doenças oculares que provocam danos no nervo óptico. Nervo que carrega informações visuais do olho até o cérebro. Em muitos casos, os danos ao nervo óptico resultam de um aumento da pressão ocular, também conhecida como pressão intraocular.

CAUSAS

A parte frontal do olho é preenchida por um fluido claro chamado de humor aquoso. Esse fluido é constantemente produzido na parte posterior do olho. Ele deixa o olho através de canais na parte frontal do olho em uma área chamada de cavidade anterior, ou simplesmente de ângulo.

Qualquer coisa que diminua ou bloqueie o fluxo desse fluido para fora do olho provoca o aumento da pressão ocular. Essa pressão é denominada pressão intraocular. Na maioria dos casos de glaucoma, essa pressão está elevada e provoca danos no nervo principal no olho, o nervo óptico.

EXAMES

Um exame ocular pode ser usado para identificar o glaucoma. O médico precisará examinar o interior do olho, observando através da pupila, que geralmente é dilatada. O médico geralmente realiza um exame completo do olho.
Apenas a averiguação da pressão intraocular (tonometria) não é suficiente para diagnosticar o glaucoma, pois a pressão ocular muda. A pressão ocular é normal, em aproximadamente 25% das pessoas com glaucoma. Isso é chamado de glaucoma de tensão normal. Existem outros problemas que podem causar danos no nervo óptico. Os testes para diagnosticar o glaucoma incluem:

a) Gonioscopia (uso de lentes especiais para verificar os canais de circulação do ângulo)
b) Teste de tonometria para medir a pressão ocular
c) Imagens do nervo óptico
d) Resposta do reflexo da pupila
e) Exame retinal
f ) Exame com lâmpada de fenda
g) Acuidade visual
h) Medição do campo visual.

CIRURGIAS

Existem três tipos diferentes de cirurgia de glaucoma:

• Trabeculoplastia a laser (SLT);
• Iridectomia a laser;
• Trabeculectomia (a mais conhecida).

Trabeculoplastia a laser (SLT)

A trabeculoplastia seletiva a laser é uma cirurgia que usa uma combinação de freqüências de laser que permite o tratamento com pouca energia. Ele trata células específicas da malha trabecular deixando outras porções intactas. Isso possibilita que o procedimento seja repetido várias vezes e pode ser uma alternativa para pacientes tratados anteriormente com laser tradicional.

Iridectomia a laser

Procedimento destinado ao tratamento e prevenção de de ângulo fechado. Uma pequena abertura periférica é criada na íris para que o humor aquoso passe livremente da câmara posterior para a câmara anterior do olho.

Cirurgia de Trabeculectomia

Cirurgia realizada para controlar o glaucoma em casos em que o tratamento clínico não está sendo efetivo, quando nos exames complementares de campimetria, mapeamento de retina, gonioscopia, entre outros exames, o quadro clínico continua deteriorando-se. Consiste em fazer uma fistula de drenagem de líquido do humor aquoso da câmara anterior do olho para a região sub-tenoniana escleral, existindo atualmente variações da técnica que seadaptam a cada caso.